Preparação para o 4 teste



Interpretar a formação das rochas magmáticas. ( pág 104-105)
Explicar a génese das rochas magmáticas plutónicas e vulcânicas.
Identificar diferentes tipos de rochas plutónicas ( gabro, granito) e vulcânicas ( basalto , riólito) ( pág. 106-107).
Relacionar a génese das rochas magmáticas com a respetiva textura, com base na dimensão e na identificação macroscópica dos seus minerais constituintes.
Compreender o metamorfismo como uma consequência da dinâmica interna da Terra (pág. 110-111).
Explicar o conceito de metamorfismo, associado à dinâmica interna da Terra.
Referir os principais fatores que estão na origem da formação das rochas metamórficas.
Distinguir metamorfismo de contacto de metamorfismo regional ( pág. 112-113)
Identificar diferentes tipos de rochas metamórficas  ( pág. 114-115).
Relacionar o tipo de estrutura que a rocha apresenta com o tipo de metamorfismo que lhe deu origem.
Conhecer o ciclo das rochas (pág. 116-117).
Descrever o ciclo das rochas.
Enunciar processos geológicos envolvidos no ciclo das rochas.
Compreender que as formações litológicas em Portugal devem ser exploradas de forma sustentada. (pág. 120-121).
Identificar diferentes grupos de rochas existentes em Portugal, utilizando cartas geológicas.
Referir aplicações das rochas na sociedade ( pág. 124-125)
Reconhecer as rochas utilizadas em algumas construções, na região onde a escola se localiza.
Defender que a exploração dos recursos litológicos deve ser feita de forma sustentável ( pág 126-127)
Compreender  a atividade sísmica  como uma consequência da dinâmica interna da Terra ( pág. 128-129).
Explicar a formação de um sismo, associado à dinâmica interna da Terra.
Relacionar a distribuição dos sismos e dos vulcões na Terra com diferentes limites de placas tectónicas.
Associar a vibração das rochas ao registo das ondas sísmicas (pág. 132-133)
Distinguir a escala de Richter da escala Macrossísmica Europeia.
Explicar a intensidade sísmica, com base em documentos de sismos ocorridos (pág. 134-135).
Interpretar cartas de isossistas.
Identificar o risco sísmico em Portugal e da região onde a escola se localiza ( pág. 136-137)
Caraterizar alguns episódios sísmicos da história do território nacional.
Indicar os riscos associados à ocorrência de um sismo ( pág. 138-139)
Descrever medidas de proteção de bens e de pessoas, antes, durante e após a ocorrência de um sismo.
Reconhecer a importância da ciência e da tecnologia na previsão sísmica ( pág. 142-143)

Verifica se sabes responder:
Rochas magmáticas
1-      O que acontece à lava expelida pelos vulcões e ao magma aprisionado em fissuras ou cavidades na profundeza da litosfera? (pág. 104)
2-      Quais são as condições que podem variar a quando da formação das rochas magmáticas? (pág 104)
3-      Qual a constituição do magma? (pág 105)
4-      Qual o principal composto químico do magma? ( pág. 105)
5-      O que é determinante para a distinção entre o magma basáltico e o  magma riolítico? ( pág 105)
6-      Carateriza os magmas basáltico e riólitico (quantidade de sílica, temperatura, viscosidade). ( pág 105)
7-      Que rochas são originadas pelo magma basáltico e pelo magma riolítico e em que condições? ( pág 105)
8-      Onde e como são formadas as rochas vulcânicas? ( pág 105)
9-      Onde e como são formadas as rochas plutónicas? ( pág 105)
10-   Dá exemplos de rochas vulcânicas e plutónicas. ( pág 105)
11-   Quais as texturas que apresentam as rochas magmáticas? ( pág 106)
12-   Descreve as texturas  afanítica, vítrea e fanerítica e dá exemplos de rochas que as possuam. ( pág 106)
13-   Quais são os minerais caraterísticos do basalto e do granito? ( pág 107)
14-   Em que condições se forma o granito, o basalto, o gabro e o riólito? ( pág 107)
Rochas metamórficas
15-   Que rochas podem originar rochas metamórficas? (pág. 111)
16-   O que é o metamorfismo? (pág. 111)
17-   Em que condições ocorre o metamorfismo? (pág. 111)
18-   Quais são os fatores de metamorfismo? (pág. 111)
19-   O que pode acontecer aos minerais de uma rocha se forem sujeitos a diferentes condições de pressão e temperatura? (pág. 111)
20-   Dá exemplos de rochas metamórficas. (pág. 111)
21-   Que tipos de metamorfismo estudaste? Carateriza-os. (pág. 112).
22-   Descreve uma textura foliada. Dá exemplos  de rochas que possuam essa textura. (pág. 113)
23-   Dá exemplos de rochas metamórficas que não possuam textura foliada . (pág. 113)
24-   Que rochas metamórficas originam o argilito, o granito e o calcário? (pág. 113)
Ciclo das rochas
25-   O que é o ciclo das rochas? (pág. 117)
26-   Descreve o ciclo das rochas. (pág. 117)
27-   Quais as etapas do ciclo das rochas? (pág. 117)
28-   Carateriza cada uma das etapas do ciclo das rochas. (pág. 117-118)
29-   Porque é que se chama ciclo das rochas? (pág. 117-118)
Exploração dos recursos litológicos
30-   Quais os diferentes grupos de rochas que fazem parte do património geológico de Portugal? ( Pág. 121-122)
31-   O que é uma carta geológica?  (Pág. 121-122)
32-   Que informações podemos encontrar numa carta geológica? ( Pág. 121-122)
33-   Dá exemplos de aplicações das rochas. ( Pág. 124-125)
34-   O que entendes por ”exploração sustentável” de um recurso litológico? ( Pág. 126)
35-   O que devemos fazer para promover  a exploração sustentável dos recursos litológicos? Pág. 126)
36-   Porque é que consideram os recursos litológicos como recursos não renováveis?  (Pág. 126)
Sismos
37-   O que são sismos? (Pág. 129)
38-   Refere zonas da Terra com elevada atividade sísmica. (Pág. 129- 130)
39-   Relaciona as falhas com a existência de sismos. (Pág. 130)
40-   Relaciona os movimentos das placas litosféricas com os sismos. (Pág. 130)
41-   O que são abalos premonitórios? (Pág. 131)
42-   O que são tsunamis? (Pág. 131)
43-   O que é o hipocentro? (Pág. 131)
44-   O que é o epicentro? (Pág. 131)
45-   O que são as ondas sísmicas? (Pág. 131)
46-   O que são os sismógrafos? (Pág. 132)
47-   O que são os sismogramas? (Pág. 132)
48-   De que depende a grandeza de um sismo? (Pág. 132)
49-   O que é uma escala de intensidade? (Pág. 132-133)
50-   O que é uma escala de magnitude ? (Pág. 132-135)
51-   Descreve a escala Macrossísmica Europeia. (Pág. 133-134)
52-   O que são isossistas? (Pág. 135)
53-   O que é uma carta de isossistas? (Pág. 135)
54-    Carateriza a atividade sísmica em Portugal. (Pág. 136)
55-   O que é uma “carta de intensidades máximas”? (Pág. 136)
56-   Para que serve uma carta de intensidades máximas? (Pág. 136)
57-   O que entendes por “risco sísmico”? (Pág. 139)
58-   Que medidas de proteção devemos tomar antes de um sismo? (Pág. 139)
59-   Que medidas de proteção devemos tomar durante um sismo? (Pág. 139)
60-   Que medidas de proteção devemos tomar após um sismo? (Pág. 139)
61-   Que instrumentos são usados na previsão dos sismos? (Pág. 143)

Sem comentários:

Enviar um comentário