Unidade na diversidade



Biodiversidade

Quando observamos o meio que nos rodeia verificamos que existem muitos seres vivos, todos eles diferentes. Há cães, gatos, aranhas, moscas, lagartos, carvalhos, pinheiros, cogumelos, … e nós. Todos estes seres são diferentes e contribuem para a biodiversidade pois quando falamos em biodiversidade pretendemos  referir  variedade de seres vivos ("Bio" significa "vida" e diversidade significa "variedade".).
A  diversidade manifesta-se em diferentes aspetos, por exemplo:
-, na reprodução( há animais ovíparos (1), vivíparos (2) e ovovivíparos (3) e as plantas reproduzem-se , por sementes ou estacas):
- no regime alimentar dos animais ( os animais podem ser carnívoros (4), herbívoros (5) ou omnívoros (6)).
- no revestimento do corpo dos animais ( os animais podem ter pele nua, revestida por pelos, penas, escamas ou possuir um exosqueleto).
- na locomoção, há seres vivos fixos, outros nadam, coam, correm, flutuam ou rastejam.
- nos ambientes em que vivem ( podem viver em ambientes terrestres ou aquáticos )
- nas relações entre eles ( uns alimentam-se de outros, há relações de entreajuda)
Tipos de biodiversidade:
A biodiversidade pode ocorrer entre espécies diferentes ( diversidade específica) , Se comparar-mos um cão com um gato encontramos diferenças que serão maiores se os comparar-mos com um pinheiro.
Mas também há diversidade dentro da mesma espécie ( diversidade intraespecífica).
A diversidade intraespecífica é evidente na espécie humana onde podemos encontrar seres humanos com diferente cor de pele, de cabelos, de olhos, de tamanho….apesar desta variedade os seres humanos podem reproduzir-se e ter descendentes férteis , por isso pertencem à mesma espécie.
Onde está a origem destas diferenças?
Cada célula que  forma um ser vivo possuí as informações necessárias para serem expressas as caraterísticas do mesmo . É o ADN que se encontra no núcleo das células eucarióticas e disperso no citoplasma das células procarióticas que contém essas informações. .
Quando durante a reprodução sexuada se juntam duas células esse material combina-se e pode dar origem a indivíduos com características diferentes dos pais. Estamos a falar de diversidade genética. E neste caso todos somos diferentes. 


Mas onde está a unidade?

É extraordinário!!!!
Todos os seres vivos são formados por células e isso une-os, assim como nos une  a eles.



(1) Ovíparos : animal que põe ovos; que se reproduz por ovos.  O embrião desenvolve-se dentro de um ovo em ambiente externo ( ex. aves)
(2) Vivíparos : Animais em que o embrião se desenvolve dentro do corpo da mãe alimentando-se a partir do corpo da mãe, através da placenta,  e eliminando as substâncias prejudiciais através dele..
(3) Ovovivíparos: : Os animais ovovivíparos são aqueles cujo desenvolvimento embrionário ocorre dentro de ovos que se desenvolvem dentro do corpo materno. Nos ovovivíparos o embrião  alimenta-se a partir das reservas nutritivas do ovo e não do corpo materno. Os ovos eclodem ainda dentro do corpo materno e depois que nascem são como os adultos.
(4) Carnívoros : são aqueles que se alimentam predominantemente da carne de outros animais.
(5) Herbívoros : Os animais herbívoros são organismos que se alimentam dos seres autótroficos, ou seja, aqueles que produzem seu próprio alimento, como as plantas, algas e algumas bactérias.
(6) Omnívoros :Animais que tanto comem vegetais como carne

Sem comentários:

Enviar um comentário